JavaScript must be enabled in order for you to see "WP Copy Data Protect" effect. However, it seems JavaScript is either disabled or not supported by your browser. To see full result of "WP Copy Data Protector", enable JavaScript by changing your browser options, then try again.

A importância da primeira infância no desenvolvimento

Dúvidas sobre nossa programação?
Ligue agora mesmo para (61) 98454-9958 (com WhatsApp).
IMG_6106

Para muitas mães, o cordão umbilical só é cortado mesmo quando chega ao fim a licença maternidade – de quatro a seis meses – e é preciso voltar ao trabalho. O drama e até o sentimento de “culpa” por se afastar do filho ainda é comum mesmo após décadas da emancipação feminina. E começa então o dilema se deixa o filho com uma babá ou numa creche. O que para a mãe é apenas uma questão de segurança e conforto para o filho, há outro elemento por trás que nem sempre é levado em conta: a importância da primeira infância.

O diretor Pedro Paulino da Pedro Paulino Family Club, que também funciona como berçário e hotelzinho, no bairro da Lago sul, de Brasília, chama atenção da importância de estimular a criança de forma pedagógica desde os primeiros meses. A unidade recebe crianças de quatro meses a cinco anos. “Muitos pais acreditam que a importância desses primeiros anos é menor do que o período de alfabetização, mas na verdade a primeira infância tem uma grande responsabilidade no desenvolvimento geral da criança”, afirmou Juliana.

Essa etapa batizada de primeira infância é pura descoberta e aprendizado. Os olhos e ouvidos absorvem o que as pessoas fazem e dizem. Então observar, sentir e explorar o ambiente a cada mínimo detalhe aguça a curiosidade dos pequeninos. “Acredito que a criança se desenvolve brincando e é importante estimular atividades de acordo com as idades. Temos que entender que nesta fase o respeito do ritmo individual é um dos fatores fundamentais da educação infantil”, afirmou Pedro Paulino.

Cintra IT - Seu site profissional responsivo! Ligue (61) 98416-7091

Um dos desafios dos educadores é saber lidar também com os pais. “É muito mais difícil a adaptação dos pais no início do processo do que das crianças. Os pais sofrem e as crianças logo se adaptam ao ambiente. A empresária Joana Aquino, 36 anos, é mãe de Gael de três anos. A criança está na Pedro Paulino desde os oito meses de idade. Hoje, ele está bem integrado e vem se desenvolvendo bem, mas Joana lembra que no início não foi fácil para ela. “É muito sofrido para a mãe. Toda mãe quer que o filho esteja seguro, seja bem cuidado e amado e para a mãe só ela é capaz de fazer isso, mas hoje agradeço a todas as cuidadoras porque sei que ele é bem tratado e está muito bem com os coleguinhas”, contou.

Uma das preocupações de Joana foi não deixar o filho com uma babá sem conhecer. “Quando procurei um lugar para o meu filho não foi pensando no desenvolvimento pedagógico, só queria que ele ficasse num ambiente tranquilo, mas me surpreendi”.

Precisando deixar seu filho em um hotelzinho? Utilize os telefones disponível para contato ou preencha nosso formulário de contato.

Cintra IT - SCintra IT - Tudo para sua empresa ou negócio viver bem na web.

Veja Mais

Preferências de Privacidade
Quando você visita nosso site, ele pode armazenar informações através do navegador de serviços específicos, geralmente na forma de cookies. Aqui você pode alterar suas preferências de privacidade. Observe que o bloqueio de alguns tipos de cookies pode afetar sua experiência em nosso site e nos serviços que oferecemos.